Irashaimasse... Este espaço é "irmão" da comunidade Movimento Dekassegui no Japão. Chamei-a assim porque há muitos dekasseguis (pessoas que saem de sua terra natal para trabalhar temporariamente em outro lugar) e eu faço parte desta comunidade de filhos e netos de japoneses que migraram para o Brasil. Domo arigato gozaimasu. zanguio.com.br

quinta-feira, 15 de novembro de 2007

Band apresenta a série Olhar Oriental

FUNDAÇÃO JAPÃO - Agenda

Band apresenta a série Olhar Oriental

Série Olhar Oriental estreou em março na Rede Bandeirantes. Projeto surgiu a partir de documentários produzidos por emissoras de TV públicas e privadas japonesas, intermediados pela Fundação Japão, dentro do Programa de Intercâmbio em Televisão.

Um novo olhar sobre a cultura japonesa. Estreou no dia 31 de março a série Olhar Oriental na Rede Bandeirantes. O projeto surgiu a partir de documentários produzidos por emissoras de TV públicas e privadas japonesas, intermediados pela Fundação Japão, dentro do Programa de Intercâmbio em Televisão.
No total, serão 30 programas veiculados pela Band e 5 programas pelo canal TerraViva, oferecendo ao telespectador uma oportunidade para conhecer o melhor do Japão.


A apresentadora Lidiane Shayuri

Ciclo do arroz

Na estréia, Olhar Oriental mostrou a produção de arroz no Japão, com todo o ciclo do cultivo nos arrozais japoneses, desde a preparação das mudas em estufas à colheita. O telespectador também viu as diversas técnicas de cultivo do arroz ao redor do mundo.

Sabores da Gastronomia

Dos arrozais para a mesa. Um episódio traz os pratos preparados ao redor do mundo e um bolo especial feito de arroz, o tradicional mochi. O telespectador conhecerá em detalhes o Donburi (tigela de arroz com variadas coberturas); o Lamen (macarrão); o Sukiyaki (cozido de carne e legumes) e o Tempurá (empanado de verduras, legumes e frutos do mar); entre outros pratos.

Tecnologia e Modernidade
A série também exibe o que há de mais avançado da tecnologia japonesa. Os robôs que salvam vidas, usados pela medicina e pela indústria, os robôs quase humanos e as incríveis micromáquinas japonesas, que só podem ser vistas com a ajuda de microscópios.

Esportes e Cultura

Na tela de Olhar Oriental, as artes marciais. O caratê, o Naginata (uma luta de lanças), o Kendô (uma espécie de esgrima), o Kyudo (arco e flecha) e o Sumô, um esporte tão conhecido e amado quanto o futebol para os brasileiros. E também um programa especial sobre os festivais japoneses, que levam milhares de pessoas às ruas.

Ecologia na Antártica
Olhar Oriental viaja até a Antártica. Lá, há exatos cinqüenta anos começava a funcionar a primeira estação de pesquisa japonesa, a base Showa. Da Antártica, pesquisadores monitoram o que acontece com a camada de ozônio e com a vida animal do continente.

Habilidades e meio ambiente
As técnicas dos ceramistas japoneses. Uma pequena cidade do interior chega a abrigar mais de 50 ateliês. E ainda o difícil treinamento das adestradoras de orcas, tudo sobre a pesca de abalone (um tipo de molusco), as técnicas de acupuntura e a produção de saquê.

Olhar Oriental desvenda também a história da exploração do carvão, que já foi chamado de diamante negro pelos japoneses, além do percurso da água na Terra.

Relacionamento com a comunidade

A Band mantém um estreito relacionamento com a comunidade nipo-brasileira, e também já entrou na contagem regressiva para comemorar o Centenário da Imigração Japonesa no Brasil.

Graças à sua credibilidade perante a comunidade nikkei do Brasil e perante o governo japonês, o Grupo Bandeirantes conseguiu firmar um contrato com a NHK, a maior rede do Japão, para intercâmbio de matérias jornalísticas.

Além disso, é a única rede comercial brasileira a ser contemplada pelo Programa de Intercâmbio em Televisão, “The Promotion of TV Broadcasting Abroad Program”, através da Fundação Japão.


Próximo programa:
Dia 04/11 às 10h50

Sinopse

Jump with Orca

Subir nas costas de uma orca e ser atirado para o alto. A apresentação de uma adestradora e a orca é uma das mais populares atrações de um aquário. A orca é conhecida como a rainha do oceano por causa de sua inteligência e ferocidade. Seu adestramento é um trabalho perigoso, que requer muita habilidade. Neste programa, nós vamos acompanhar o intenso treinamento de uma jovem que se prepara para a sua primeira apresentação.


Serviço
Série Olhar Oriental
Estréia no dia 31 de março na Rede Bandeirantes
Acompanhe a programação no site da TV Bandeirantes
Realização: Rede Bandeirantes
Apoio: Fundação Japão
Postar um comentário