Irashaimasse... Este espaço é "irmão" da comunidade Movimento Dekassegui no Japão. Chamei-a assim porque há muitos dekasseguis (pessoas que saem de sua terra natal para trabalhar temporariamente em outro lugar) e eu faço parte desta comunidade de filhos e netos de japoneses que migraram para o Brasil. Domo arigato gozaimasu. zanguio.com.br

sexta-feira, 13 de julho de 2007

Área da Criança divulga cultura japonesa no Festival


do site do Festival do Japão

O 10º Festival do Japão conta novamente com um espaço exclusivo para as crianças. A Área da Criança atenderá o público gratuitamente nos três dias do evento, no Centro de Exposições Imigrantes.
Para o coordenador Alexandre Tamanaha, o espaço será um sucesso. "Teremos muitas novidades, e o público infantil vai aprender um pouco sobre a cultura japonesa de uma forma divertida e gostosa”, explica.

Seguindo a temática do ano de 2007 – Beleza Natural das Províncias Japonesas, as atividades da Área da Criança serão inspiradas no HANAMI (a tradição japonesa de apreciar as flores).

Contando com espaço de 530 m2, as atividades estarão divididas em oito áreas: Narração de Contos e Lendas japonesas; Pintura & Arte; Origamis; Mini Festival das Estrelas; Brinquedos Tradicionais Japoneses; Labirinto do Jizô-Sama; Hanami; Pintura de Rosto e Concurso de Sorriso.

A narração de contos e lendas japonesas terá a presença da Associação Viva e Deixe Viver, entidade que realiza o entretenimento e informação educacional por meio do estímulo à leitura, contando histórias para crianças em hospitais.

Organizada pela ONG Centro Marta Kuboiama, a atividade de Pintura & Arte possibilitará que as crianças conheçam símbolos e princípios japoneses de escrita através dos desenhos e figuras. Na Pintura de Rosto e Concurso de Sorriso, as crianças terão contato com pinturas de rosto que remetem à maquiagem tradicional japonesa.

O Mini Festival das Estrelas é uma atividade criada exclusivamente para a Área da Criança. O Tanabata Matsuri é um dos festivais de origem oriental mais conhecidos no Brasil. Seu grande reconhecimento tem base na combinação da lenda do festival, somado à decoração colorida dos enfeites e da esperança dos pedidos que são feitos durante este festival.

Os grupos escoteiros Águia de Haia e Caramuru organizam a atividade do Hanami, um piquenique que acontece na época que as flores de cerejeira (sakura) começam a cair. Segundo a tradição, quando estas pétalas caem na sua tigela (tchawan) é um sinal de boa sorte. A atividade reproduzirá esta tradição japonesa em horários específicos.
Postar um comentário